Encontro de Imbituba-SC

November 8, 2013

Miúra, uma paixão nacional

Imbituba – Estado de Santa Catarina vai sediar o 7º Encontro Nacional de Miúras e demais esportivos.

O ano passado participei do 6º Encontro Nacional de Miúras na bela cidade de Porto Alegre, Capital do Rio Grande do Sul. O encontro foi um sucesso, inclusive com a presença do criador do automóvel gaúcho, regado a muita festa naquele final de semana.

Os organizadores do 7º Encontro Nacional de Miúras prometem que este encontro não ficará atrás daquele promovido pelos Miureiros gaúchos.

Vamos conferir, além do que, Imbutuba, cidade do litoral catarinense é de uma beleza natural incrível e merece ser curtida por todos, especialmente pelos apaixonados não só por Miúras mas também por todos que curtem carros esportivos e antigos.

Algumas fotografias do 6º Encontro Nacional de Miúras realizado em Porto Alegre, no ano de 2012.

Ferrari F 40

February 23, 2013

Ferrari F40 1991

Ferrari F40 foi projetada com conceitos aerodinâmicos utilizados em carros de competição. Porém, seu foco de vendas era estritamente comercial, não sendo planejado para corridas. Considerado o avô do modelo Enzo Ferrari (modelo que foi batizado com o nome do fundador da empresa), foi apresentado em 21 de julho de 1.987 , fabricado para comemorar o quadragésimo aniversário da marca italiana Ferrari.

Seu design foi desenvolvido para dar ao carro maior velocidade, sem perder estabilidade. Suas curvas criam menos resistência com o ar e o espóiler dianteiro, assim como o aerofólio traseiro, contribuem para que o carro fique firme no chão. O aerofólio traseiro ainda possui a função de proteger a tampa traseira, feita de perspex (um material plástico transparente mais resistente que o vidro que foi utilizado em todas as janelas do carro).

Sua produção iniciou-se efetivamente em 1.988 e encerrou-se em 1.991, sendo produzidas apenas 1.315 unidades no total.

“Se Deus fosse uma máquina, certamente seria uma F-40″ – Enzo Ferrari

A Ferrari F40

f40

ferrari f40 interior

ferrari f40 traseira

ferrari f40

Chevrolet Camaro

January 17, 2013

Olá leitores do blog “Rodas de Ontem”. Depois de um forçado período de afastamento da telinha, retornamos em 2.013 fazendo aqui o que mais gostamos:

FALAR   DE AUTOMÓVEIS.

Desejamos a todos vocês um ano repleto de realizações, alegrias e saúde, e àqueles que são antigomobilistas um ano também com muitos encontros e passeios.

Neste ano de 2.013, as nossas publicações no blog passarão a ser mensais e traremos aos nossos seguidores e leitores, informações sobre encontros de automóveis antigos com a posterior cobertura do evento.

Como implemento, ainda colocamos nossa página à disposição dos leitores e seguidores para, querendo, darem sugestões e fornecerem matérias à publicação, tecerem comentários, divulgarem eventos, publicarem anúncios refente a automóveis (inclusive sobre venda de antigos), enfim, tudo que possa ser útil e interessante na área do automobilismo e do antigomobilismo.

Obrigado pela atenção e um forte abraço a todos.


C H E V R O L E T    C A M A R O

O Chevrolet Camaro é um coupé esportivo  da Chevrolet.

Sua produção foi interrompida em 2.002 mas a General Motors  já retomou a produção de uma nova versão a partir de 2.009.

A chamada 1st Generation tem como características: – ano de 1967 – produção total de 220.906 unidades – ano de 1968 – produção total de 235.147 unidades – ano de 1969 – produção total de 243.085 unidades Estes veículos permitem em seus VIN (Vehicle Identification Numbers) uma forma de identificar os motores 6 cilindros (em linha) dos V8. Em seu terceiro caracter, o número “3″ indica que é 6 cilindros, ao passo que o número “4″ indica ser um V8.

A década de 1.970 não foi proveitosa para o Camaro. Com a subida do preço do petróleo fez com que o consumidor optasse por veículos que consumiam menos. As medidas adotadas para a antipoluição fizeram acabar com os fabulosos V8 e em 1.972 aconteceu o fim da produção do SS.

No ano de 1.973 surgiu o  Camaro LT,  preocupado mais com o luxo e o conforto do que com a potência, dando lugar inclusive aos motores 6 cilindros em linha, menos ferozes e mais econômicos.

A crise faz outra “vítima” em 1.974,  o Z28, que teve sua produção paralisada. Em 11 de maio de 1.978, o Camaro de número 2 saiu da fábrica de Van Nuys, na Califórnia, e no ano de 1.982 entra em campo uma nova versão do Camaro chamada IROC-Z (Internacional Racing of Champions). Essa versão foi produzida até 1.990 quando encerrou sua produção.

A terceira geração do Camaro, com maiores modificações estéticas após 12 anos, com seu design futurista é escolhido pela terceira vez como Pace Car oficial das 500 milhas de Indianápolis 500.

Mecanicamente também grandes novidades ficaram por conta do novo motor inteiramente em alumínio, mais uma vez derivado do mesmo que equipava o Corvette. Tratava-se de um V8 de 5.7 litros que no Z28 produzia 305 cavalos e 320 no SS.

Novos freios a disco com assistência por ABS  Bosch nas quatro rodas. Nenhuma mudança significativa aconteceu até 1.998.

A nova geração

Lançada em 2.006, a nova geração do Camaro é uma releitura dos modelos lançados entre 1.967 e 1.969 – primeira geração -, contando com um desenho futurista e agressivo. O Camaro é hoje comparado  com seus concorrentes, o Ford Mustang e o Dodge Challenger.

  • A versão V6 é equipada com motor 3.6L V6 12V O motor V6 atual é bem desenvolvido tecnologicamente, produzindo cerca de 300 HP, potência que era observada nos antigos V8 antes utilizados pela GM, tanto no Camaro como em outros esportivos da marca.
  • A versão V8 é equipada com motor: 6.2L V8 16V Potência: 406 HP.

O fato é que o carro desde o seu primeiro até a roupagem nova que lhe foi dada, continua com seu estilo arrojado e luxuoso.

2008-06-12-CAMARO-SS-1967-00001.JPG

1970 camaro z28.jpg

Chevrolet Camaro IROC-Z-4.jpg

'93-'97 Chevrolet Z28 Camaro Coupe (Orange Julep).JPG

2010ChevroletCamaro-05.jpg

Se prepare para esse evento.

November 23, 2012

BUGGY- A curtição

November 5, 2012

Buggy Kadron

Buggy é uma curtição total


No Brasil, os primeiros buggys chegaram na bagagem de brasileiros residentes nos Estados Unidos da América, que traziam a carroceria dos modelos de Bruce Meyers e montavam na mecânica do fusca. O primeiro modelo a ser fabricado no Brasil foi o Glaspac, que era uma cópia do Meyers Manx II. A Glaspac foi criada por Donald Pacey, em 1.962, e produzia peças e fibra de vidros para caminhões. A idéia de produzir buggys veio de seu amigo Gerry Cunningham. Logo após o surgimento do Glaspac, foi a vez do Kadron, buggy com design genuinamente brasileiro, criado pelo designer Anísio Campos, o mesmo que criou o Puma. O Kadron foi produzido na fábrica da Puma Veículos, em São Paulo, e assim como Meyers, sofreu muito com a cópia não autorizada.

A partir destes, centenas de fabricantes surgiram, grande parte fechou, mas algumas persistem até hoje. Fabricantes tradicionais como Bugre, BRM e Selvagem nunca interromperam sua produção. No início, basicamente se utilizava de um chassi VW encurtado em aproximadamente 36 cm e após a montagem da carroceria de fibra de vidro, levava-se ao Detran para fazer a legalização do veículo e transforma-lo em buggy. Somente a partir de 2.008, com as resoluções 291/292 do DeNaTran, ficou proibida essa prática, porém, no Nordeste, desde a década de 80 que todos os fabricantes de buggy já possuíam homologação para produzirem buggys sem a necessidade do velho e tradicional chassi VW, substituindo-o por um chassi tubular com várias inovações, como suspensão com molas helicoidais e facilidade na manutenção dos cabos de ligação que agora ficaram embaixo do túnel removível e o chassi laminado á carroceria formando um monobloco resistente. Hoje a legislação é muito rígida e poucos fabricantes que atendem às exigências legais de emissões e segurança, como a BRM de São Paulo, a Selvagem do Rio Grande do Norte e o Cauype do Ceará.  Outra fábrica que merece destaque é a cearense Fyber, que na década de 80 inovou com um visual de linha quadradas — tendência da época e serviu de inspiração para várias outras marcas cearenses e nacionais. Hoje a fábrica não existe mais, entretanto um antigo revendedor da marca lançou uma réplica com motor VW AP (refrigerado a água), já que o boxer não é mais fabricado e colocou um nome alusivo: Fyber Water.

Outros fabricantes que fizeram história no Brasil são: Bugre, Emis, Baby, e Selvagem.

Também em 1.969 foi lançado o Reno, projetado e produzido por Nils Armin Halboth em sua fábrica em Petrópolis, portanto, igualmente um design genuinamente brasileiro. Caracterizava-se pelas linhas arredondadas, traseira em forma de hexágono alongado (anel do benzeno), enorme resistência, e por incorporar desde o início recursos que nenhum outro possuía.  Em 1.981 o Nils reformulou todo o projeto, mantendo seu desenho básico, mas introduzindo tantas inovações que jamais foi igualado, inclusive uma capota conversível pantográfica forrada por dentro. Os últimos Reno foram feitos em 1.993.  Esses três primeiros buggys fabricados em série estão reunidos numa foto do “Correio da Manhã” de 6 de abril de 1.970, (a foto teve o negativo invertido e por isso os volantes ficaram à direita), mostrando o Kadron (que na época se chamava Tropi AC), o Reno e o Glaspac na praia da Barra da Tijuca.

É muito usado nas dunas do Nordeste brasileiro, principalmente no Rio Grande do Norte e no Ceará, onde os chamados bugueiros ganham a vida dirigindo ou alugando esse tipo de veículo para turistas ou participando de clubes organizados, como o Clube do Buggy Ceará e Buggy Club do Rio Grande do Norte (BCRN), por exemplo.

Buggy Reno – projeto brasileiro

Buggy Buggy

Buggy Buggy ano 94 com rodas de avião

Buggy

Buggy Buggy

Buggy

Buggy Kadron

Ford Mustang

October 16, 2012

Ford Mustang é um automóvel desportivo produzido pela Ford Motor Company. Inicialmente, era uma variante do Ford Falcon. O carro começou a ser produzido em Dearborn, em Michigan no começo de 1.961 e somente foi apresentado ao público em 17 de abril de 1.964 durante a “New York World’s Fair”. O Mustang, apesar de ter sofrido grandes alterações ao longo dos anos é a mais antiga linha de automóvel da Ford. O nome “Mustang” é inspirado no avião de caça estadunidense P-51 Mustang, cujo nome se inspira na única raça de cavalo selvagem do pais.

1ª Geração – 1.964 a 1.973

Lançado em abril de 1.964 já como modelo 1.965, o Ford Mustang foi apresentado em duas versões: Conversível e Coupé 2 portas. Projetado e concebido para satisfazer todos os gostos, poderia vir equipado com um modesto motor 6L de 2,8L com 101HP até um V8 de 4,8L com 271HP. Após 6 meses, foi apresentada a versão Fastback, com forte apelo esportivo. Não houve mudanças significativas para o ano de 1.966, quando o carro completou o total de 1 milhão de unidades vendidas, comprovando o enorme sucesso alcançado. Cerca de 70% dos carros vendidos eram equipados com alguma versão do motor V8.  Para 1.967 e 1.968 o Mustang sofreu sua primeira atualização de estilo, crescendo alguns centímetros e procurando ter uma linha mais agressiva, se tornando mais confortável. A principal novidade foi a introdução dos motores V8 big-block como opcional. Para 1.967 a potência podia chegar a 325HP, com um V8 de 6,4L e a 390HP. Em 1.968 com um V8 de 7,0L.  Já em 1.969 e 1.970 nova atualização de estilo, tornado a linha mais atual e agressiva. Lançamento dos modelos BOSS 302 e 429, equipados com motores de alto desempenho e das linhas Mach 1 (Esportiva) e Grande (Luxuosa). Os anos de 1.971, 1.972 e 1.973, apresentaram a mais significativa mudança de estilo dentro da primeira geração.
Sofreram forte influência das leis antipoluição, da crescente preocupação com o consumo de combustível e da resistência das companhias de seguro em aceitarem carros de alto desempenho. Em comparação ao modelo 1.965, o Mustang aumentou quase 15 cm e ficou 250 kg mais pesado e já não contava com motores tão potentes, quantos os oferecidos nos anos 60.  Todos esses fatores acabaram influenciando o fim da primeira geração e provocando o nascimento do Mustang II em 1.974, muito mais leve e econômico, porém sem o carisma de um verdadeiro esportivo.
Ford Mustang 1.964

Mustang 1.965

Mustang II – 1.974 a 1.978

Mustang GT 1.985 e 1.986

Mustang Conversível 2.002

Mustang GT/CS 2.007 a 2.009

Mustang GT 2.010

Mustang

Mustang Gt Conversível V8 5.0 Vermelho

Mustang Gt V8 Ñ Dodge Maverick Camaro Chevelle Opala Impala

Ford Mustang 3.7 Coupe V6 4v Ti-vct

Chrysler

October 9, 2012

Chrysler Group logo.svg

Chrysler Corporation é uma fabricante americana de automóveis independente de 1.925 a 1.998.  O primeiro automóvel da marca norte-americana Chrysler, fundada por Walter Crhysler, foi apresentado em 05 de janeiro de 1.924, com a designação de Six. Tratava-se de um automóvel de gama média que apresentava uma série de novidades pouco comuns nesse tipo de automóveis, como por exemplo, um motor de alta-compressão com pistões de alumínio. Walter Chrysler tinha adquirido experiência no ramo de automóveis ao trabalhar em cargos de chefia de empresas como a Buick ou a General Motors.

Dois anos depois, a Chrysler entrou no segmento dos carros de luxo com o modelo Imperial E-80, que na época alcançava 80 milhas por hora. Em 1.928 a Chrysler que tinha Walter Chrysler como presidente, comprou a Dodge, uma importante empresa de fabricação de motores.  Nesse ano começou a produzir os modelos De Soto e Plymouth.

Chjrysler Imperial ano 1.934

Em 1.935 Walter Chrysler demitiu-se da presidência da empresa, quando esta era já das principais marcas de automóveis norte-americanas.

Durante a segunda guerra mundial a Chrysler forneceu às forças aliadas, cerca de meio milhão de caminhões Dodge, assim como tanques Sherman M4, os mais utilizados pelas tropas norte-americanas.

Em 1.951 a marca apresentou o motor Hemi V-8, o mais potente destinado a carros de passageiros. Quatro anos mais tarde, em 1.955, o Chysler 300, equipado com este motor mesmo motor, era o carro de passageiros mais potente do mundo.

Chrysler Imperial ano 1.959

Em 1.957, depois de uma grande expansão interna no pós-guerra, a Chrysler formou uma equipe de operações internacionais sediada na Suíça para vender os seus modelos na Europa. O ano de 1.958 ficou marcado por uma inovação mundial introduzida pela marca, ao disponibilizar nos seus modelos o controle automático de velocidade. No ano seguinte, lançou um dos primeiros carros compactos da história do automóvel, o Plymouth Valiant.

Em 1.983 lançou-se na produção de mini-carros, o Dodge Caravan e o Plymoumth Voyager, criando assim um novo segmento de mercado. No ano de 1.984 adquiriu parte da Maserati e em 1.987 comprou a Lamborghini e também a Mercedes que atualmente produz também suas motos esportivas, ambas as marcas italianas de grande prestígio.  É ainda em 1.987 que a marca norte-americana volta a entrar no mercado europeu.

Em 1.992 apresentou o Dodge Viper, um carro super esportivo de dois lugares que foi o primeiro da marca a ter origem numa plataforma comum a outros modelos Chrysler. Nesse mesmo ano, lançou uma linha de carros familiares constituída pelo trio Chrysler Concorde, Dodge Intrepid  e Eagle Vision.

Chrysler PT Cruiser ano 2.003

Quatro anos depois, ou seja, em 1.996 a marca já era vendida em mais de cem países. O modelo mais vendido era o Jeep Cherokee.  Nesse ano, a Chrysler foi considerada pela conceituada revista de negócio “Forbes” como a empresa do ano.

A Chrysler e suas subsidiárias tornaram-se parte da alemã Daimler Chrysler depois de ser comprada em 1.998 por Daimler Benz.

O nome Chrysler LLC foi adotado após a dissolução da Daimler Chrysler AG em 2.007.  Em 14 de maio de 2.007 foi anunciada a venda da Chrysler para o Cerberus Capital Management, tendo em vista a não realização das sinergias previstas na época da fusão. A Chrysler LLC continua existindo, sendo proprietária das marcas Dodge, Chrysler e Jeep.

Chrysler 300

Murilo Góes/UOL

8º Encontro de Carros e Antiguidades Mecânicas

October 3, 2012

Ponta Grossa, no interior do Estado do Paraná, distante 110km da Capital Paranaense, sediou nos dias 22 e 23 de setembro passado, o 8º Encontro de Carros e Antiguidades Mecânicas, cujos automóveis deram um tom ainda mais nostálgico à esplendorosa Estação Saudade, antiga estação de trem daquela cidade, onde ficaram expostos ao público.

Num final de semana espetacular, onde o sol brilhou sem nenhuma timidez, compareceram para a exposição nos dois dias do encontro mais de cem automóveis, dentre os quais algumas raridades.

O público visitante se fez presente também nos dois dias em número bastante expressivo, podendo apreciar bem de perto os clássicos e os esportivos que ficaram expostos, além de conhecerem várias peças e acessórios de carros da época que estavam à venda no mercado montado naquele local.

Aos expositores inscritos foi oferecido um belo coquetel no sábado e também no domingo, regado a deliciosos salgados e bebidas a vontade.

Parabéns ao Eros, um dos organizadores e maior incentivador do antigomobilismo de Ponta Grossa.

Clique o mouse sobre as fotos

SG – Premium Centro Automotivo

September 25, 2012

Estive dia desses na SG Premium – Centro Automotivo, com sede à rua Marechal Deodoro nº 2334, no Alto da XV (www.sgpremium.com.br), comandado pelo nosso amigo e companheiro antigomobilista Orlei Micaloski, fazendo-lhe uma visita e conhecendo as belas instalações da loja, que permito dizer, me impressionou pela estrutura, ordem e capricho da oficina.

Orlei inclusive me contou que estará no próximo dia 29 de setembro, no horário das 10:00 horas, em parceira com o Puma Club do Brasil  realizando uma palestra direcionada às mulheres  sobre funcionamento de motores de automóveis para que elas também aprendam lidar com eventuais panes que possam ocorrer nas máquinas. Essa palestra será proferida pelo Edmar Fabri, profundo conhecedor e preparador de motores de carros, também sócio do Puma Club do Brasil.

Essa ideia é para nós antigomobilistas simplesmente sensacional, pois que permitira que nossas mulheres, nossas companheiras, sejam também nossas auxiliares em momentos de dificuldade nas estradas. Aliás, é preciso que se frise, que as mulheres são muito mais atenciosas e dedicadas em tudo aquilo que fazem e certamente assimilarão muito bem as lições sobre motores de carros.

Parabéns à SG Premium – Centro Automotivo pela iniciativa conjunta com o Puma Club do Brasil. Embora nesta primeira arrancada a palestra seja direcionada às mulheres sócias e esposas de sócios do Puma Club do Brasil, fica desde já registrado o pedido para que se estenda esta excelente iniciativa aos demais clubes de automóveis antigos e especiais, permitindo às sócias e às mulheres dos sócios, uma integração maior com as máquinas “indomáveis”.

Eis abaixo o teor do convite a mim enviado pela SG Premium – Centro Automotivo:

ESCLARECIMENTOS DE MECÂNICA PARA MULHERES – GRÁTIS

“O Puma Club do Brasil em conjunto com a SG PREMIUM Centro Automotivo promoverá um curso de esclarecimentos mecânicos destinado ao público feminino. A intenção é esclarecer alguns mitos a respeito de mecânica e tirar dúvidas sobre o funcionamento básico dos veículos. Este módulo será conduzido pelo nosso amigo e sócio ‘Edemar Fabri’ que possui vasto conhecimento a respeito de toda engenharia automobilística.

Também teremos a presença de Gustavo Loeffler, profissional técnico da SCI Pneus, distribuidor das marcas: ‘YOKOHAMA, ACHILLES e ORNET’. Além de uma grande vivência nas pistas de corridas de grandes modalidades tais como ‘Rallyes, Porsche Cup, Mitsubishi Cup’ entre outros, Loeffler também é especialista em pneus de passeio e de alta performance.

A iniciativa da diretoria do Puma Club do Brasil é fornecer a seus sócios e suas respectivas esposas, noções básicas a respeito de como podem resolver alguns assuntos e também estarem preparadas para não serem enganadas por maus profissionais na questão que envolve o funcionamento de seus veículos.

Comenta ainda o sr. Edemar Fabri que será uma conversa didática mas com uma linguagem de fácil entendimento tanto no módulo que diz respeito ao funcionamento dos motores como dos demais  componentes do veículo.

Quanto a questão de pneus, o sr. Gustavo Loeffler falará a respeito de calibragem, caster, cambagem alinhamento e demais assuntos pertinentes.

O presidente do Puma Club, sr. Sérgio Colombo, comenta que este será o início de um ciclo que o clube estará promovendo em conjunto com a SG PREMIUM – Centro Automotivo, pois o público feminino é formador de opinião e merece ser bem orientado a respeito.

Também está na programação um curso para apaixonados por automóveis, em um nível mais avançado, onde teremos explicações técnicas sobre funcionamento e preparação pesada de motores e suspensão.

Dentro da programação do dia 29/09/12 que começará as 10:00 horas, solicitamos aos participantes que cheguem com 30 minutos de antecedência pois a SG PREMIUM – Centro Automotivo estará oferecendo um delicioso café da manhã a todos os clientes, amigos e participantes.

Solicitamos a todos os participantes que possuem carros antigos que tragam seu exemplar para ser exposto, pois teremos um encontro muito bonito e ainda a presença do jornalista sr. Douglas, do Jornal Bairro Alto da XV, onde na ocasião fará uma reportagem sobre este evento. – Orlei Micaloski”.

Encontro de antigos em Ponta Grossa – PR

September 15, 2012

Nosso amigo Eros da cidade de Ponta Grossa, no Estado do Paraná, está à frente da organização do 8º Encontro de Automóveis Antigos de Ponta Grossa e nos enviou o convite do evento. Já confirmei presença assim como alguns antigomobilistas de Curitiba.

Você não pode perder esta. Compareça! Prestigie! Curta que vale a pena.